Deus Se Importa Com O Que Eu Visto?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

“Assim como o índice revela o conteúdo do livro, . . . o hábito e os trajes, no homem e na mulher, refletem o espírito de quem os veste.”

— Philip Massinger, dramaturgo inglês.

Sempre que leio os versos 13 e 14 dos Salmos capítulo 139, penso: Deus é um Deus de detalhes. Nessas passagens, o salmista mostra sua gratidão pelo fato de ter sido criado de uma maneira tão extraordinária, e com uma riqueza tão grande de detalhes minimamente pensados, que os grandes estudiosos, a cada dia, buscam maneiras de desvendar os mistérios da mais perfeita criação de Deus.

Esse mesmo Deus que nos concedeu a vida, pensou em tudo para tornar nossos dias mais leves e felizes. Ele nos aconselha em Sua Palavra e, nos dá também, Seu próprio exemplo. Ele andou pelo mundo, mas, não era do mundo. Conviveu com diferentes tipos de pessoas, mas não se deixava influenciar por elas, pelo contrário, era exemplo em tudo. E assim como Ele, nós temos a missão de ser exemplo ao mundo, para que todos possam ver Cristo através da nossa vida, seja no falar, no agir, no pensar, e até mesmo na maneira como nos vestimos.

Mas, se apenas o vestuário não salva ninguém, por que um detalhe tão simples assim, tem tanta relevância em nossa vida? O nosso vestuário é como um uniforme, importante para nos identificar e padronizar. E Deus sempre cuidou para que seus filhos fossem facilmente distinguidos de acordo com cada época. “Os filhos de Israel, depois de terem sido tirados do Egito, foram ordenados a usar um simples cordão azul nos cantos de suas vestes (Números 15:38), para distingui-los, das nações em volta, e significar que eram o povo peculiar de Deus.”

Diferente de hoje, naquela época as variações de roupas eram poucas. Hoje, não precisamos mais ter um “sinal” distintivo, mas, assim como o antigo Israel, precisamos glorificar a Deus através do nosso vestuário, que deve ser distinto como um todo. Ao olharem para nós, ninguém deve ter dúvidas se servimos ou não a Deus. Só há duas opções: Ou a nossa roupa fala em favor de Cristo e sua verdade, ou fala em favor do mundo. Qual destes temos escolhido? Você tem se parecido mais com os ideais de Deus para o seu povo, ou se misturado à multidão por receio de andar na contramão?

O nosso vestuário deve cumprir dois propósitos: mostrar ao mundo que somos cristãos, um povo separado e temente a Deus e, ao mesmo tempo, nos lembrar que, por sermos cristãos devemos agir como tais, limpando nossa mente e coração, e nos tornando cada dia mais à semelhança de Cristo.

O Deus que te criou se importa com cada detalhe no que se refere a você. E o que Ele nos pede como seus filhos, é que apenas entreguemos a Ele o nosso coração, porque um coração onde Cristo é bem vindo pra fazer morada é um coração disposto a obedecer, mudar os velhos hábitos e evoluir. Nada parece tão difícil quando feito com amor. Por isso meu conselho para você é: ame a Jesus. Quando O amarmos com todo nosso coração, renunciar o mundo e seus costumes se tornará um prazer, e não uma obrigação. “Porque nisto consiste o amor a Deus: em obedecer aos seus mandamentos. E os seus mandamentos não são pesados”. I João 5:3

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Girl writes in journal
The Girl Writes is a space created by women for women. Everything in a faith-based perspective. No adaptations necessary. Learn more.

Related Posts

Rose wrinkled paper background with cut out image of curly haired woman smiling into camera

Livre, leve e cacheada

Tenho 27 anos e cabelos cacheados. O que isso tem a ver? Simples. Uma garota de cabelos cacheados há pelo menos 17 anos, não tinha

LER MAIS »
pt_BR