Usar saião é coisa de gente velha?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Se você costuma usar saias que cobrem os joelhos e vão até a panturrilha, ou que não marcam tanto o corpo, já deve ter ouvido essa frase: “Por que não usa uma saia mais curta? É muito mais jovial, assim você está escondendo sua beleza." O mais triste, é quando a ouvimos de pessoas que professam a mesma fé. Nos pegamos então, questionando se realmente estamos sendo tão antiquadas, ao querermos usar roupas mais modestas.

Quando analisamos a história da moda, vemos como tendências vem e vão e como são adaptadas ao longo dos anos. Em 1947 Christian Dior lançou o famoso New Look e popularizou a saia ampla com a cintura bem marcada. Essa peça era desejada e cobiçada por mulheres de todas as idades. Os anos passaram, a minissaia e a calça comprida tornaram-se populares no guarda-roupa feminino, tornando a saia midi um item quase exclusivo do guarda-roupa cristão. Porém, a moda restaurou o modelo midi, e hoje podemos encontrar diversas opções em lojas de todos os padrões. O que antes era parte do guarda-roupa cristão, hoje é um item desejado por mulheres de todas as idades e estilos.

Sendo assim, ver pessoas, dentro da igreja, debatendo contra as saias midi, me faz refletir que, na realidade, esse é o desejo das pessoas convencidas e não convertidas. Muitas vezes, aceitamos o evangelho mas, não queremos nos permitir ser mudadas por ele, e com isso criamos mitos do que é certo ou errado, bonito ou feio, cafona ou estiloso, e, passamos a dar mais valor para a moda do mundo. Mas, queridas, até o mundo está trazendo opções mais decentes do que muitas vezes apresentamos. Isso deveria nos assustar, fazer reconsiderar a nossa conduta, pois, ao invés de sermos luz e exemplo para as mundanas, estamos fazendo delas nosso modelo sem reconhecermos que, até o mundo da moda considera o vestimento modesto, elegante e sofisticado.

Não cabe a mim converter o coração de vocês para ver a beleza da moda midi, nem afirmar que não tenho dificuldades quanto a usar saias na norma, ou até mesmo que todas as minhas roupas são o exemplo de modéstia. Esse artigo serve também para mim, em minha luta para o processo da santificação e reforma do vestuário!

Agora, quero trazer inspirações para vocês repensarem que, até mesmo “mundanas” estão se portanto com mais modéstia do que nós, com muito mais estilo e elegância… (Okay, elas não usam sempre roupas assim, usam itens que não usamos, mas quero que vocês foquem no modelo das saias que elas estão usando, apesar de não acreditarem na reforma do vestuário!)

And lastly, here are some of our writers who love their skirts:

Espero que esses looks possam inspirar vocês a terem uma outra visão das roupas midi, e ver que, podemos ser lindas e estilosas, nada cafonas, e ainda melhor, direcionarmos a atenção para Deus com o que vestimos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Girl writes in journal
The Girl Writes is a space created by women for women. Everything in a faith-based perspective. No adaptations necessary. Learn more.

Related Posts

pt_BR