Falando e ouvindo amor: qual é a sua linguagem de amor?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Falar e ouvir o amor

Como brasileira, meu idioma materno é o português, portanto, caso queira me passar uma informação em português, meu cérebro vai conseguir decodificar e entender o que você quer me transmitir!

Entretanto, caso me passe uma informação em outro idioma, por exemplo, “chinês”, não importa a quantidade de esforço que empregue nessa tarefa, provavelmente não vou entender!

E é sobre isso que quero conversar com você hoje, querida leitora! Assim como a comunicação falada requer idiomas em comum, transmitir e receber amor também requer uma “linguagem” em comum.

Segundo Chapmam, no livro “As cinco linguagens do amor” (um dos livros mais reveladores que já li), o amor possui cinco linguagens principais para ser falado e entendido. São elas:

  1. Palavras de afirmação;
  2. Tempo de qualidade;
  3. Presentes;
  4. Atos de serviço;
  5. Toque físico.

Isso quer dizer que você provavelmente “fala” amor com uma dessas linguagens e, consequentemente, “entende” amor com a mesma linguagem, assim como qualquer outro idioma. Se eu falo português, eu com certeza entendo melhor português.

Para mim, um dos primeiros e mais importante passo dentro de um relacionamento é entender a sua linguagem do amor, mas, ainda mais importante, é identificar a linguagem do amor da pessoa ao seu lado!

Sem esse primeiro passo, não importa o quanto se esforce ou o quanto o outro tente, caso tenham linguagens diferentes, você nunca vai entender que essa pessoa te ama de verdade e nunca vai fazer com que a outra pessoa se sinta amada realmente!

A esse ponto, você deve estar imaginando qual é a sua linguagem e qual a do seu companheiro. “Mas e se não for a mesma? Não daremos certo?” Longe disso! Por isso, entender a sua linguagem e a do seu companheiro é tão importante! Saber identificar quando ele está “dizendo” que te ama e fazer com que ele entenda que você o ama é a chave para um relacionamento bem sucedido!

Por isso, quero conversar com você sobre o que cada linguagem precisa para entender o amor!

1. Palavras de afirmação 

Pessoas que falam essa linguagem precisam de elogios. Não entenda mal pessoas que precisam disso! Você não precisa estar constantemente elogiando tudo nessa pessoa. Um “você está linda!” ou “estou orgulhosa de você” sustentam essa pessoa por longos períodos! Um elogio sincero é sempre bom. Essa linguagem precisa ouvir que é lindo (a), que é importante e que é amado (a). Portanto, fale! Sabe quando marcam um encontro em algum lugar, você vê seu namorado/marido se aproximando e pensa “nossa, ele está lindo hoje”? Não só pense, fale!

2. Tempo de qualidade

Nunca vá para um jantar com essa pessoa com seu celular na mão. Não tente “passar tempo” assistindo um filme ou em frente à televisão. Essa pessoa precisa de um tempo exclusivo de vocês dois! Se planeje para isso, sem celular e sem preocupações! Esteja 100% ali!

3. Presentes

Calma, não precisa se preocupar com o dinheiro se identificar que seu companheiro fala essa linguagem! Pessoas que falam “presentes” são sensíveis a literalmente, qualquer tipo de presente! Se comprar um chocolate de um real e entregar dizendo que pensou nele, é o suficiente. Surpreenda! Dê pequenos presentinhos. Compre um docinho sempre que for ao mercado ou deixe cartinhas de amor espalhadas pela casa. Qualquer mínimo presente é amor para essa pessoa!

4. Atos de serviço

Você pode viver dizendo que ama de paixão, pode viver abraçando e beijando essa pessoa, pode dar muitos presentes, mas caso não demonstre com atitudes palpáveis, essa pessoa nunca vai entender que é amada! Você pode dobrar a camiseta que ele deixou jogada, perguntar se ele está bem, abraçá-lo e dizer que vai ficar tudo bem depois de um dia estressante, pegar um simples copo de água ou ajudá-lo a arrumar a mala. Antecipe suas necessidades. Foque em atitudes, em “cuidar” dele. É isso que o “atos de serviço” entende como amor!

5. Toque físico

Isso é importante: a linguagem “toque físico” não significa que essa pessoa só entende o amor através do ato sexual. Muitas pessoas podem ver essa linguagem como algo ruim, mas não. Falar “toque físico” significa que essa pessoa vai amar andar de mãos dadas, ou estar dirigindo e segurar suas mãos, mexer com seus cabelos, sentar na igreja e assistir o culto de mãos dadas, almoçar com a sua família ou a dele e sentar ao lado um do outro, massagens nas costas ou pés, dar abraços inesperados e receber carinhos no rosto.

Para essa pessoa, estar com você vai significar estar de mãos dadas, sentar ao seu lado e ficar próximo a você. É assim que ele vai se sentir conectado e amado por você!

São detalhes simples, querida leitora. É claro que cada linguagem vai muito além dessas poucas dicas! Mas tente identificar a sua linguagem e a do seu companheiro! Se esforce para falar na linguagem dele e entender quando ele está falando que te ama. Um relacionamento sem comunicação irá fracassar, mas quão triste é quando os dois estão falando e ambos não estão se ouvindo!

Portanto fale, mas fale no idioma correto! Procure um “dicionário” para ajudá-la a entender a linguagem do seu parceiro e saber qual linguagem você entende melhor, para poder pedir o que precisa. O amor tem muitas linguagens e sempre vale o tempo e o esforço necessários para entender um ao outro e fazerem-se felizes mutuamente.

Ao final desse artigo coloquei o teste das linguagens para que juntos, possam descobrir suas linguagens e se conhecerem ainda melhor.

Que língua de amor você fala? - TESTE

Prepare o perfil quando estiver relaxado e sem pressão de tempo. Depois de fazer suas escolhas, volte e conte o número de vezes que marcou cada letra. Liste os resultados nos espaços apropriados no final do perfil. Depois não se esqueça de nos seguir e ativar as notificações (no Instagram, Facebook, alertas por e-mail etc.) para ficar sabendo assim que nosso próximo artigo: “Interpretando e implementando suas linguagens de amor” for publicado! Vamos lá:

1. Gosto de receber bilhetes de carinho (A)
Gosto de abraços (E)

2. Gosto de tempo a sós com você (B)
Gosto quando você me ajuda com meus projetos (D)

3. Gosto de receber presentes (C)
Gosto de caminhar com você (B)

4. Sinto-me amada quando você me ajuda com alguma tarefa (D)
Sinto-me amada quando você me toca (E)

5. Sinto-me amada quando estou em seus braços (E)
Sinto-me amada quando você me dá presentes (C)

6. Gosto de passear com você (B)
Gosto de estar de mãos dadas com você (E)

7. Gosto quando recebo sinais visíveis do nosso amor (C)
Gosto quando você fala que me ama (A)

8. Gosto quando sentamos perto um do outro (E)
Gosto quando você me fala que estou bonito/bonita (A)

9. Gosto quando passamos tempos juntos (B)
Gosto de presentinhos (C)

10. Gosto de ouvir que você me aceita (A)
Sinto-me bem quando você realiza algo por mim (D)

11. Gosto quando fazemos coisas juntos (B)
Gosto de ouvir palavras carinhosas (A)

12. O que você faz me afeta mais do que o que você diz (D)
Sinto-me completa quando você me abraça (E)

13. Valorizo seus elogios, tento evitar suas críticas (A)
Vários presentinhos significam mais do que um presente grande (C)

14. Sinto intimidade quando estamos conversando ou fazendo uma atividade (B)
Sinto intimidade quando você me toca muito (E)

15. Gosto quando você elogia minhas realizações (A)
Gosto quando você faz coisas por nós mesmo que não seja algo que goste de fazer (D)

16. Sinto-me amada quando você me toca de passagem (E)
Sinto-me amada quando você me ouve (B)

17. Adoro quando você realiza suas tarefas para cuidar do nosso lar (D)
Aprecio presentes (C)

18. Sinto-me amada quando você elogia minha aparência (A)
Sinto-me amada quando você separa tempo para entender meus sentimentos (B)

19. Sinto-me segura quando você está me abraçando (E)
Seus atos de serviço me fazem sentir amada (D)

20. Aprecio as coisas que você faz por mim (D)
Gosto de receber presentes que você faz (C)

21. Gosto de saber que tenho sua atenção total (B)
Gosto quando você faz um ato de serviço para mim (D)

22. Sinto me amada quando você comemora meu aniversário com um presente (C)
Sinto-me amada quando você comemora meu aniversário com palavras (A)

23. Sei que está pensando em mim quando recebo um presente (C)
Sei que me ama quando me ajuda com meu trabalho (D)

24. Gosto quando ouve pacientemente, sem me interromper (B)
Gosto quando você se lembra de dias especiais com um presente (C)

25. Gosto de saber que você se importa em fazer sua parte com os afazeres diários (D)
Gosto de fazer viagens longas com você (B)

26. Beijos não esperados me emocionam (E)
Presentes por presentes, sem ocasião, me emocionam (C)

27. Gosto de ouvir que você me aprecia (A)
Gosto que você me olhe quando estamos conversando (B)

28. Seus presentes sempre são especiais para mim (C)
Sinto-me bem quando você está me tocando (E)

29. Adoro quando faz com muito gosto um serviço que eu peço (D)
Adoro quando você me fala de como sou importante para você (A)

30. Preciso de toques todos dias (E)
Preciso ouvir palavras carinhosas diariamente (A)

Pontuação

Some o número de “A” que você marcou. Escreva este número na lacuna A______ abaixo. Faça o mesmo procedimento com os “B”, “C”, “D” e “E”.

A_______Palavras

B_______Tempo

C_______Presentes

D_______Serviço

E_______Toque

A letra com mais pontos é a sua primeira linguagem de amor.

Obs: Você terá uma linguagem primária e uma linguagem secundária do amor, mas isso não quer dizer que não goste de receber carinho de outras maneiras de vez em quando. É provável que você e seu cônjuge não tenham a mesma linguagem do amor.

A minha linguagem de amor é: _______________________________

A linguagem de amor secundária é: ____________________________

A linguagem de amor do meu companheiro (a) é: _____________e _______________²

¹CHAPMAM, Gary., As cinco linguagens do amor. 3ª ed. São Paulo: Mundo Cristão,2013.

² Ibdem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Girl writes in journal
The Girl Writes is a space created by women for women. Everything in a faith-based perspective. No adaptations necessary. Learn more.

Related Posts

Talhados Por Deus

Todavia, Ele conhece bem o caminho por onde passam meus pés; se me colocar à prova, constatará que sairei puro como o ouro refinado”. Jó

LER MAIS »
pt_BR